Mauro Cezar Pereira

Mauro Cezar Pereira

'Bananas'

Mauro Cezar Pereira, blogueiro do ESPN.com.br

Woody Allen dirigiu e estrelou seus primeiros filmes, caso de "Bananas", o terceiro deles, de 1971. No longa-metragem ele é Fielding Mellish, que tem um emprego não muito excitante em uma grande empresa e é apaixonado pela ativista política Nancy, vivida por Louise Lasser, que com Allen contracenara dois anos antes em "Um Assaltante Bem Trapalhão" (ótimo, hilário, abaixo).

Depois de levar um pé na bunda (vídeo abaixo), para provar que merece o amor da moça, Mellish se manda para San Marcos, uma republiqueta fictícia na América Central. Ele passar a integrar um grupo de rebeldes que se prepara para tomar o poder. O golpe é mostrado ao vivo pela TV — a cena é sensacional, como todo o filme, aliás, com uma curiosa ponta feita por Silvester Stallone (segundo vídeo abaixo), cinco anos antes de explodir nas telas na pele de "Rocky, um Lutador". 


Faltou um joguinho de futebol na película para ficar perfeito. De qualquer forma, por linhas tortas, aqui e ali, a arte imita a vida. Curta alguns trechos de "Bananas", com destaque para a fala final do personagem no vídeo abaixo, após o discurso de um presidente que, ao sentar no trono, ao se ver no poder, perdeu a noção. É, acontece.

Inscreva-se no Youtube

Siga no Instagram: @maurocezar000