Pinotti pede demissão como homem-forte do futebol do São Paulo

Eduardo Affonso, com ESPN.com.br
Bruno Ulivieri/Raw Image/Gazeta Press
Vinicius Pinotti durante entrevista no CCT do São Paulo
Vinicius Pinotti durante entrevista no CCT do São Paulo

Diretor executivo de futebol do São Paulo desde abril deste ano, Vinicius Pinotti pediu demissão do cargo nesta quarta-feira.

Acionista da Natura, ele tinha divergências com o presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, desde a saída de Rogério Ceni como técnico da equipe no começo de julho, e os problemas aumentaram no segundo semestre.

São Paulo rebaixado em 3 anos? Entrevista de Andrés Sanchez sobre tricolor repercute e comentaristas do BB Debate analisam declaração

Pinotti foi diretor de marketing do clube do Morumbi antes de ser o principal executivo do futebol tricolor há oito meses.

Ele também ajudou a viabilizar contratações, como a do argentino Ricky Centurión em 2015, e completou algumas folhas salariais no período em que esteve como diretor. Por isso, tem muito dinheiro para receber de seu clube de coração.

Vinicius Pinotti estava conduzindo as negociações para a contratação do goleiro Jean, do Bahia.

Arnaldo vê exalta torcida do São Paulo e vê temporada de Dorival 'no limite do medíocre': 'Termina de forma melancólica'

Raí e Paulo Autuori são cotados para assumir o cargo agora vago.